27.5 C
Brasília
quarta-feira, agosto 10, 2022
spot_img

Ciro Gomes recriará Ministério da Indústria e Comércio, caso seja eleito

O pré-candidato à Presidência da República Ciro Gomes (PDT) defendeu hoje que a política industrial e de comércio exterior precisam estar no centro do projeto de desenvolvimento do país, e prometeu recriar o Ministério de Indústria e Comércio, que no atual governo foi absorvido pelo Ministério da Economia. Em debate promovido pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), o ex-governador do Ceará também argumentou que apenas com uso de capital próprio o Brasil conseguirá impulsionar o seu crescimento econômico e social.

“Jamais prosperou um país que tenha alimentado a ilusão de basear o seu financiamento no capital dos outros. O capital que financia desenvolvimento é o capital que se produz em casa. O nível de formação bruta de capital no Brasil é criticamente baixo historicamente e está indo agora para os seus menores valores”, argumentou. “É vã e derivada de intoxicação ideológica acreditar que a poupança estrangeira vai nos socorrer a partir de um manual do bom moço que a mitologia neoliberal nos ofereceu”.

O pré-candidato do PDT disse que é preciso “enxugar o Estado”, mas “torná-lo poderoso”. Ao expor a estagnação do país nos últimos 10 anos, disse que é preciso ampliar crédito porque o consumo é parte importante da recuperação, mas que a essência da geração de riqueza e de emprego qualificado está na indústria.

“Sem indústria poderosa, que lidera o centro do desenvolvimento, nenhuma nação se desenvolveu”, pontuou Ciro, citando a possibilidade de criação de complexos industriais nas áreas de saúde; agronegócio; petróleo, gás e energias renováveis; e defesa.

O pré-candidato também defendeu a aprovação de uma reforma tributária que simplifique a cobrança de impostos. Durante o painel, ao ser informado sobre a troca na presidência da Caixa Econômica Federal, Ciro criticou o presidente Pedro Guimarães, acusado por funcionárias de assédio sexual.

“Uma autoridade pública que usa do seu poder para constranger sexualmente mulheres é um bandido, tinha que ser demitido e responder pela cadeia”, opinou.

1 de 1 Ciro Gomes, em foto de arquivo — Foto: Ana Paula Paiva/Valor

Ciro Gomes, em foto de arquivo — Foto: Ana Paula Paiva/Valor

Fonte: valor.globo.com/politica/noticia/2022/06/29/ciro-gomes-recriar-ministrio-da-indstria-e-comrcio-caso-seja-eleito.ghtml

Related Articles

Stay Connected

0FansLike
3,432FollowersFollow
0SubscribersSubscribe

ULTIMOS ARTIGOS

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com