24.5 C
Brasília
quarta-feira, maio 25, 2022
spot_img

RJ: Justiça afasta 25 servidores de unidades socioeducativas por suspeita de maus-tratos

Na semana passada, uma medida deferida pela Justiça do Rio de Janeiro determinou o afastamento liminar de 25 servidores do Departamento Geral de Ações Sócio Educativas (Degase) pela prática de maus-tratos e tortura contra adolescentes e jovens que cumprem medida de internação no local.

Segundo informações obtidas pelo G1, entre os afastados, está o diretor da unidade socioeducativa na Ilha do Governador, na zona norte do Rio, Ubiratan Francisco Paiva de Paula e mais 24 funcionários.

Leia mais: "Degase saiu de proposta educacional para a repressão de adolescentes", avalia ex-diretor

Outra medida adotada foi a transferência de 13 internos envolvidos no caso para outra unidade socioeducativa, para que não sofram retaliações. O caso corre na Justiça sob sigilo.

Decisão

A determinação da Vara de Execuções de Medidas Socioeducativas da Capital ocorreu após uma representação administrativa do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio da Força-Tarefa para a Fiscalização de Unidades de Internação do Departamento Geral de Ações Socioeducativas (FT Degase/MPRJ). 

Durante as fiscalizações na unidade socieducativa, as integrantes da FT Degase/MPRJ “colheram elementos de convicção, confirmados por consistentes relatos dos internos, que demonstraram os métodos ilegais e truculentos empregados, pelos servidores, para manterem o controle da ordem no local”.

O órgão afirma que "todo jovem privado de sua liberdade, deve gozar de todos os direitos reconhecidos na Constituição Federal, no Estatuto da Criança e Adolescente e na Lei 12.594/2012 (que instituiu o Sistema Nacional De Atendimento Socioeducativo)".

De acordo com o G1,o Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase) informou que, assim que a direção tomou conhecimento das denúncias, afastou todos os citados da função socioeducativa. Além disso, uma sindicância foi aberta para apurar o que aconteceu.  

Fonte: BdF Rio de Janeiro

Edição: Jaqueline Deister

Fonte: www.brasildefato.com.br/2022/01/25/rj-justica-afasta-25-servidores-de-unidades-socioeducativas-por-suspeita-de-maus-tratos

Related Articles

Stay Connected

0FansLike
3,332FollowersFollow
0SubscribersSubscribe

ULTIMOS ARTIGOS

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com