24.5 C
Brasília
quarta-feira, maio 25, 2022
spot_img

Legado de família: volante do São Raimundo segue os passos de ex-jogador do clube | Esportes

FUTEBOL

Legado de família: volante do São Raimundo segue os passos de ex-jogador do clube

Filho de Vidinha, ex-jogador do clube, o volante Antony espera fazer história na temporada em que Tufão volta às competições nacionais

WhatsApp Image 2022 01 22 at 15.13.00 B5DFBBA5 8726 44B5 B4F8 2BD0A0D8F207.jpeg
WhatsApp Image 2022 01 22 at 15.13.00 B5DFBBA5 8726 44B5 B4F8 2BD0A0D8F207.jpeg
Foto: Arquivo Pessoal
News thumb whatsapp image 2019 05 19 at 20.33.37 233ab739 ba51 43dc 8669 bdf259d50b4a
News thumb whatsapp image 2019 05 19 at 20.33.37 233ab739 ba51 43dc 8669 bdf259d50b4a
Camila Leonel 22/01/2022 às 14:50

Quando era criança, Antony acompanhava Vidinha no estádio para ver o padrasto – a quem ele considera um pai – em ação com a camisa do São Raimundo, no período que o meia defendeu as cores do time colinense. Anos depois, os papéis irão de inverter: desta vez é Vidinha que irá acompanhar das arquibancadas o enteado que compõe o plantel do Tufão da Colina.

Antony, que é volante, começou a jogar ainda criança. Menino que gostava de futebol, recebeu uma forcinha dentro de casa para investir no sonho e começou nas categorias de base do São Raimundo por influência de Vidinha.

“Comecei a jogar nas categorias de base do São Raimundo, justo por conta do Vidinha jogar no profissional, mas antigamente era difícil subir pro profissional. Foi quando ‘parei’ e depois de dois anos e voltei a jogar campeonato amador, o Peladão, onde fui campeão duas vezes: 2014 e 2015. Em 2016 migrei para o profissional no Holanda e foi quando me destaquei. E aí estou aqui até hoje”,, contou o meia de 27 anos.

Apesar de ter ingressado no futebol por influência de Vidinha, o ex-jogador conta que a persistência de Antony que o levou a chegar no futebol profissional.

“Ele iniciou ainda criança e gostava muito de futebol, mas ele sempre foi muito dedicado nos treinos e muito perseverante e isso fez com que ele evoluísse dentro do futebol”, comentou o ex-meio campo que ainda hoje tenta usar a experiência para dar alguns conselhos.

“Nós que jogamos por muitos anos, com o tempo, adquirimos certas experiências e sempre aconselhei ele com base nisso. Ainda faço críticas construtivas que possam trazer algum benefício tanto dentro como fora de campo”, completou.

Seguindo os passos

Vidinha jogou no São Raimundo entre 2004 e 2006 e conquistou os dois últimos títulos amazonense, em 2004 e 2006, também foram anos que o Tufão disputou competições nacionais como a  Copa do Brasil e a Série B e C do Campeonato Brasileiro.

No ano passado, o São Raimundo chegou à final do Barezão e perdeu o título para o Manaus no minuto final, mas garantiu calendário para este ano, algo que não acontecia desde a época que Vidinha era jogador e este retorno inspira Antony a se esforçar para fazer história assim como o ex-jogador.

“Sei que ele fez história com a camisa do São Raimundo e creio que foi um dos ídolos. O São Raimundo tem uma história no futebol amazonense e nacional e a expectativa é a melhor possível. Poder viver isso é um sonho de criança, através do trabalho que faço diariamente espero fazer esse feito que será muito importante para minha carreira”, comentou Antony.

Por outro lado, Vidinha diz que a felicidade que sente por toda a história que carrega com a camisa do São Raimundo será ampliada por ver Antony em campo seguindo os mesmos passos que ele e torcendo pelo sucesso do filho.

“Hoje sou um jogador realizado por ter vestido a camisa do São Raimundo, poder disputar grandes competições e se torna mais gratificante ainda ver meu filho vestindo a camisa do são Raimundo em temporada promissora para o clube e como torcedor do Tufão espero que nessa temporada o São Raimundo volte a ter grandes conquistas e despontar no cenário nacional”, declarou Vidinha.

O São Raimundo estreia no Campeonato Amazonense na quarta-feira, dia 26 de janeiro, às 15h30 contra o Operário de Manacapuru, no estádio Ismael Benigno, a Colina, na zona Oeste de Manaus. Para a partida do Barezão, que já servirá para o time ir pegando ritmo até a Copa do Brasil, marcada para iniciar no fim de fevereiro, Antony diz que vem treinando forte para que o time colinense possa corresponder.

“A pré-temporada está muito boa. Já que o Tufão irá disputar competições nacionais esse ano, o professor Sérgio Duarte destaca pra nós se cuidar no extracampo, focar no trabalho, ter disciplina e entendimento pra nós assimilarmos da melhor maneira possível seu esquema de jogo”, disse o jogador.

Fonte: www.acritica.com/channels/esportes/news/legado-de-familia-volante-do-sao-raimundo-segue-os-passos-de-ex-jogador-do-clube

Related Articles

Stay Connected

0FansLike
3,330FollowersFollow
0SubscribersSubscribe

ULTIMOS ARTIGOS

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com