17.5 C
Brasília
segunda-feira, novembro 29, 2021
spot_img

Maduro chama Bolsonaro de imbecil por dizer que vacina provoca Aids; veja vídeo

Maduro chama Bolsonaro de
Maduro chama Bolsonaro de

Maduro chama Bolsonaro de ‘imbecil’ por dizer que vacina provoca Aids

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro chamou seu homólogo brasileiro, Jair Bolsonaro, de imbecil por dizer que a vacina contra a Covid-19 provoca a Aids.

A fala do venezuelano foi transmitida na terça-feira (26) pela televisão estatal, e critica uma "live" que o brasileiro organizou na semana passada, e que foi retirada do ar pelo Facebook, YouTube e Instagram.

"O imbecil de Jair Bolsonaro, no Brasil, imbecil, palhaço, que disse algo estúpido, típico de alguém da direita, desacreditado, que não é amado pelo seu povo", disse Maduro.

"Bolsonaro chegou à loucura de dizer que a vacina contra o coronavírus, que é produto da ciência mundial, que está protegendo e salvando vidas, causa Aids", seguiu o venezuelano.

O presidente da Venezuela também citou que o Brasil atingiu mais de 600 mil mortes pela Covid-19 e relembrou o episódio em que Bolsonaro chamou a doença de "gripezinha".

Apesar das críticas ao brasileiro, Maduro também teve postagens apagadas no ano passado ao recomendar um remédio milagroso e sem comprovação científica para o combate ao coronavírus.

1 de 1 Facebook tirou do ar live de Bolsonaro com mentira sobre vacina da Covid e Aids — Foto: Reprodução

Facebook tirou do ar live de Bolsonaro com mentira sobre vacina da Covid e Aids — Foto: Reprodução

O que disse Bolsonaro?

Na quinta-feira (21) o presidente mencionou em uma transmissão pela internet uma notícia falsa que diz que relatórios oficiais do Reino Unido teriam sugerido que as pessoas totalmente vacinadas estariam desenvolvendo a Síndrome de Imunodeficiência Adquirida (Aids) "muito mais rápido do que o previsto".

Aids e vacina: entenda por que redes sociais tiraram live de Bolsonaro do ar
Aids e vacina: entenda por que redes sociais tiraram live de Bolsonaro do ar

Aids e vacina: entenda por que redes sociais tiraram live de Bolsonaro do ar

"Só vou dar notícia, não vou comentar. Já falei sobre isso no passado, apanhei muito… Vamos lá: relatórios oficiais do governo do Reino Unido sugerem que os totalmente vacinados… Quem são os totalmente vacinados? Aqueles que depois da segunda dose né… 15 dias depois, 15 dias após a segunda dose, totalmente vacinados… Estão desenvolvendo Síndrome da Imunodeficiência Adquirida muito mais rápido do que o previsto. Portanto, leiam a matéria, não vou ler aqui porque posso ter problema com a minha live", afirmou Bolsonaro durante a transmissão.

Procurado pelo g1, o Departamento de Saúde e Assistência Social do Reino Unido afirma que a publicação é de um site que propaga "fake news" e teorias da conspiração e diz que a história não é verdadeira.

A notícia falsa mencionada por Bolsonaro foi colocada no site conspiracionista beforeitnews.com, que publica textos dizendo que as vacinas rastreiam os vacinados e que milhões de pessoas morreram com as vacinas.

Newsletter G1 Created with Sketch.

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail. Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita.

Obrigado!

Você acaba de se inscrever na newsletter Resumo do dia.

Fonte: g1.globo.com/mundo/noticia/2021/10/27/maduro-chama-bolsonaro-de-imbecil-por-dizer-que-vacina-provoca-aids.ghtml

Related Articles

Stay Connected

0FansLike
3,033FollowersFollow
0SubscribersSubscribe

ULTIMOS ARTIGOS

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com