17.5 C
Brasília
segunda-feira, novembro 29, 2021
spot_img

Dia das servidoras e servidores públicos: mãos que entregam dignidade à população – CGN

Já parou para pensar quantas vezes você precisou dos serviços públicos? Qualquer cidadão brasileiro, do nascer ao morrer, é atendido por servidores públicos, direta ou indiretamente. Na emissão de documentos que lhe conferem a condição de cidadão; no acesso à educação; no cumprimento do calendário vacinal; no atendimento em saúde; no fornecimento de luz, água, saneamento básico. Tudo passa pelo trabalho de uma servidora ou um servidor público.

A contribuição dos servidores públicos para a entrega de dignidade à população brasileira é indiscutível, mas para quem quer transformar direitos em produtos, o sucateamento dos serviços públicos e o desmonte da carreira dos servidores é um bom negócio. Afinal de contas, a substituição destes profissionais qualificados geralmente envolve licitações milionárias de terceirização, onde quem trabalha fica com uma fatia mínima destes recursos (através de salários insuficientes para uma vida digna) e quem contrata acumula grandes lucros, oferecendo um serviço mediano através de mão de obra precarizada.

Isso sem contar que, sem os servidores públicos as portas ficam abertas para a corrupção. Estes trabalhadores e trabalhadoras, em sua maioria, são fiscais da coisa pública. São eles que identificam e denunciam desvios de recursos, fraldes em licitações entre tantos crimes que tanto prejudicam a população. Tudo isso graças à sua estabilidade (que permite que ele não seja demitido ao denunciar uma irregularidade) e à sua qualificação, que permite que ele identifique estas fraudes. Infelizmente o projeto de desmonte dos serviços públicos tem avançado no Brasil, diante de uma reforma administrativa que avança no Congresso Nacional.

Como uma categoria que não foge à luta, estes servidores e servidoras têm trabalhado arduamente através de suas entidades de classe contra este ataque. Mais que defender suas carreiras, os servidores públicos buscam defender a manutenção dos direitos fundamentais da população brasileira. Não aceitamos que necessidades básicas de quase todos, sejam convertidas em lucro para poucos. A pandemia deixou bastante claro a importância de termos serviços públicos consolidados. Afinal, você já se perguntou como teríamos enfrentado a pandemia sem o SUS (Sistema Único de Saúde)? Ou como teríamos feito pesquisa sem as universidades públicas? Ou como garantiríamos o acesso à educação em meio à necessidade de isolamento social?

Por este motivo, neste Dia das Servidoras e Servidores Públicos, o Siprovel parabeniza cada um destes servidores e saúda a contribuição dos serviços públicos para a construção de uma sociedade mais justa e humana. Nosso papel perante a sociedade não nos permite desanimar diante das ofensas proferidas por gestores que, ao desrespeitar os servidores públicos, mostram desprezar os direitos constitucionais da população. O município de Cascavel, ao escolher “homenagear” seus servidores com uma palestra cujo tema era “Seja forte, trabalhe duro, sirva e não encha o saco”, explicita justamente isso: desprezo. Ocorre que, para defender os serviços públicos, existe um pré-requisito: a compreensão de que todo o cidadão merece uma vida digna.

Fonte: Assessoria

Fonte: cgn.inf.br/noticia/553758/dia-das-servidoras-e-servidores-publicos-maos-que-entregam-dignidade-a-populacao

Related Articles

Stay Connected

0FansLike
3,033FollowersFollow
0SubscribersSubscribe

ULTIMOS ARTIGOS

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com